17
Abr 07
Hoje quando estava a arrumar o meu quarto, deparei-me com uma saca preta que estava atrás do guarda-fatos. Cheia de curiosidade peguei na saca e tirei de dentro o meu diário. Este estava coberto de pó, pois já não escrevia nele há muito tempo. Quando ia a limpá-lo ouvi alguém a tossir. Olhei para todos os lados e como não vi ninguém, voltei-me de novo para o diário, e continuei a limpá-lo. Mas desta vez ouvi uma voz: -Ai agora limpas-me? -Quem falou? – Perguntei eu meia assustada. -Quem é que achas que falou, estás a ver mais alguém neste quarto, a quem tu estejas a limpar? -Mas como é que tu falas? -Falando, abro e fecho a boca, que depois transmite sons. -Nunca pensei que fosses tão engraçadinho, muito menos que falasses, e aliás tu não tens boca. - A pensar morreu um burro, AH, e eu tenho boca, tu é que não a vês. -Mais uma piadinha dessas e atiro-te pela janela fora. -Não tinhas coragem! Peguei no diário e aproximei-me da janela: -Tens a certeza que eu não tenho coragem? -Só garganta, mas aviso-te já, se tu me atirares pela janela fora, eu conto aos teus pais todos os teus segredos. -Então força, queres que eu te leve até eles? E aliás, primeiro, tu não consegues falar com mais ninguém que não eu, segundo, Se por acaso conseguisses, eles não iriam acreditar em ti e terceiro, tudo o que tu sabes já está desactualizado, o computador sim, esse sabe tudo, pois é nele que eu escrevo agora. -Olha, e que tal tu acalmares-te, não percebo porque é que estás assim, afinal estás de férias, e ainda melhor, estás quase a fazer anos, não tens motivos para estar assim. -As férias são uma seca, já tenho saudades das aulas. -Das aulas ou do… -Nem te atrevas a dizer o resto, mais uma palavrinha que digas á cerca deste assunto, e só paras á beira do meu cão, e olha que ele adora destruir coisas. E já agora, sim, eu estou com saudades das aulas. -Vais dizer que não tens saudades do… -Cala-te, não tens nada a ver com isso. -Não percebo porque é que não queres que eu diga… -Já te avisei para te calares. -Calma eu só ia dizer que não percebo porque é que não queres que eu diga “o resto”. -Porque eu vou ter de escrever esta conversa e publicá-la no meu blog, e de seguida o meu Director vai comentá-la. -AH, já percebi, e depois ele vai… -Cala-te, não continues se não vais dar-lhe ideias. Olha e agora vou colocar-te no sítio onde estavas, porque eu tenho mais composições para fazer. E coloquei-o no sítio.

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Abril 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


subscrever feeds
gaveta a sete chaves :D
Procurar :D
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO